Siga, Curta, Compartilhe:

Geral

Semec inicia aulas para comunidade indígena Warao

Publicado

em

Na manhã desta terça- feira (21), o secretário executivo de Ensino, Reinaldo Ximenes, acompanhado da equipe técnica da Secretaria Municipal de Educação (Semec), esteve visitando os alunos da comunidade Warao, que estão sendo atendidos pelo projeto Alfabetização sem Fronteiras na Escola Municipal Mocambinho, na zona norte de Teresina. Na unidade, estão sendo atendidos 20 alunos, que estão passando pelo processo de alfabetização e letramento.

O Projeto Alfabetização sem Fronteiras visa alfabetizar as crianças e adolescentes filhos das famílias migrantes refugiadas indígenas venezuelanas da etnia Warao, acolhidos pelo Brasil e residentes em Teresina, com o intuito de realizar a inclusão no processo educacional. Com apoio dos educadores pertencentes ao próprio povo Warao, os professores da Rede Municipal levarão ensinamentos nas línguas portuguesa, espanhola e indígena.

A Secretaria Municipal de Educação (Semec), em parceria com a Secretaria Estadual de Educação (Seduc), realiza atendimento a 100 crianças indígenas venezuelanas nas Escolas Municipais Mocambinho e Iolanda Raulino, ambas na zona Norte, e a Escola Municipal Dona Isabel Pereira, na zona Rural da capital.

“Proporcionar a essas crianças dignidade. Assim foi pensado o projeto Alfabetização Sem Fronteiras. A partir do conhecimento proporcionar a essas crianças aprendizado que contribua para sua vida profissional, esse é o nosso desejo”, afirmou Reynaldo Ximenes Secretário Executivo de Ensino da Semec.

Larissa Oliveira, professora de língua Portuguesa, fala do desafio de alfabetizar a comunidade. Ela afirma que as crianças aprendem muito rápido e a troca de experiência com outro professor nativo desperta neles o interesse em conhecer ainda mais nossa língua, não esquecendo a sua própria cultura.

Fonte: Ascom Semec

MAIS LIDAS

Copyright © - Desde 2008. Portal Walcy Vieira. WhatsApp (86) 99865-3905