Siga, Curta, Compartilhe:

Geral

Cultura Negra Estaiada na Ponte ? inclu?da no calend?rio oficial do estado

Publicado

em

O evento Cultura Negra Estaiada na Ponte agora faz parte do calend?rio oficial do estado. A assinatura do termo de ades?o no calend?rio das atividades da Secretaria de Cultura do Piau? (Secult), foi assinado nesta sexta-feira (6), no audit?rio do ?rg?o, com a presen?a da vice-governadora, Regina Sousa, do deputado F?bio Novo, da secret?ria de Cultura, Bid Lima, e das comunidades de terreiros.

O ato se d? no Dia Estadual da Consci?ncia Negra, data escolhida em homenagem ? escrava Esperan?a Garcia, considerada uma hero?na piauiense na luta pela igualdade e justi?a racial. ?? um reconhecimento desse segmento da sociedade que ? t?o discriminado. Arrisco dizer que as comunidades de terreiros s?o as que mais sofrem, vendo seus terreiros sendo queimados, casas derrubadas, uma viol?ncia e intoler?ncia descabida. Esse segmento existe, merece respeito e precisa ter os direitos garantidos. ? uma forma tamb?m de se mostrarem para que a sociedade adquira conhecimento, que ? o fator base para a diminui??o do preconceito. E cada vez que pensarem em desanimar, que a Esperan?a Garcia seja a sua inspira??o?, destacou a vice-governadora, Regina Sousa.

Para Gaspar de Oxumar?, da Tenda Esp?rita de Umbanda Santa B?rbara, al?m de solidificar e manter o evento, a inclus?o no calend?rio oficial tamb?m tem um significado moral. ?Passamos por um momento delicado, de muita intoler?ncia religiosa e essa afirmativa de import?ncia da cultura negra e da liberdade religiosa no estado faz com que possamos engrandecer cada vez mais a proposta de expandir a nossa cultura de matriz africana e fazer com que o mundo tenha conhecimento da import?ncia dos povos origin?rios para a humanidade?, disse.

Para a sacerdotisa de Umbanda e coordenadora da Rede Nacional de Religi?es Afro-Brasileiras e Sa?de (Renafro), Eufr?sia de Ians?, ? um momento importante para as religi?es de matriz africana. ?Estamos nessa batalha de combate ? intoler?ncia, embora n?o tenhamos que ser tolerados, mas respeitados. Somos cidad?os, trabalhamos, pagamos impostos e temos todo o direito de exercer a nossa religiosidade e ser respeitados em todos os lugares que passarmos. Temos conseguido fortalecer a cultura negra com o apoio do Governo do Estado e este ? mais um passo forte de muitos que pretendemos dar?, afirmou.

Segundo a secret?ria de Cultura, Bid Lima, o calend?rio cultural do Piau? tem ficado mais rico e completo a cada ano. ?O governo tem como prioridade dar apoio ?s a??es que est?o nesse calend?rio e levando em considera??o a import?ncia e o trabalho do evento Cultura Negra, resolvemos inclu?-lo. Sabemos o processo conturbado e doloroso que foi a nossa hist?ria dentro e fora do pa?s e acredito que atrav?s da cultura possamos contribuir e fazer refletir sobre a situa??o. A palavra de ordem ? nunca desistir e sempre lutar?, pontuou a gestora.

Durante a solenidade tamb?m houve a entrega da documenta??o dos grupos da 7? edi??o do Cultura Negra Estaiada na Ponte, realizado no dia 24 de agosto. O evento, que em 2019 teve como tema a liberdade religiosa, tem o objetivo de promover a igualdade e inclus?o social dos povos de matriz africana, al?m de revelar a capacidade de produ??o desses grupos.

Clique e Comente

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MAIS LIDAS

Copyright © - Desde 2008. Portal Walcy Vieira. WhatsApp (86) 99865-3905