Siga, Curta, Compartilhe:

Polícia

Piauí tem redução de crimes de latrocínio e feminicídio

Publicado

em

O Estado do Piauí conta com índices positivos na 17ª edição do Anuário Brasileiro de Segurança Pública, produzido pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública, que apresenta um comparativo dos anos de 2021 e 2022. O documento foi publicado na última quinta-feira (20/07/2023). Houve queda no número de latrocínios, feminicídios, crimes contra crianças e adolescentes e danos a patrimônio.

O índice de crimes de latrocínio, isto é, assalto seguido de morte, teve redução de 36,1% no ano de 2022 comparado ao ano anterior. Os dados levam em consideração o número de vítimas e de ocorrências. Os casos de feminicídios caíram 35,5%, bem como os casos de violência doméstica por lesão corporal (queda de 32,3%). Sobre esse último tipo de crime, os casos caíram de 1.826 em 2021 para 1.243 em 2022.

Os crimes de mortes violentas contra crianças e adolescentes, de 0 a 17 anos de idade, reduziram 6% no último ano. Houve também redução de 20,7% nos casos de violência doméstica contra crianças e adolescentes dessa mesma faixa etária, estando abaixo da média nacional, que é de 40,8 casos a cada 100 mil pessoas com essas idades. No Piauí, essa taxa é de 16,4.

A exploração sexual infantil também teve queda em 2022, com uma redução de 11,1% desse tipo de crime, sendo uma taxa de 2,7 a cada 100 mil pessoas com a mesma faixa etária. Ou seja, abaixo da média nacional que é de 1,8 de crescimento.

Além disso, houve diminuição de 10% no crime de abandono material e 6,1% no crime de abandono de incapaz no Piauí. Outro destaque positivo para a segurança pública no estado foi  a redução de 17% no roubo a residências.

O delegado-geral da Polícia Civil do Piauí, Luccy Keiko Paraíba, ressalta a importância dos dados positivos acerca da redução nos números dos crimes citados, pois não existe subnotificação deles. “Nós verificamos uma redução significativa no número de latrocínios no Piauí, bem como no número de feminicídios. Isso mostra que os trabalhos das forças de segurança relacionados à criminalidade violenta, principalmente quando envolvem pessoas que não têm nenhum envolvimento com o crime, estão tendo efeito. Seguimos na luta também para diminuir os índices que ainda não são satisfatórios”, afirma o delegado.

De acordo com o secretário da Segurança, Chico Lucas, a Secretaria da Segurança Pública do Piauí tem montado ações estratégicas para a redução dos índices de criminalidade em todo o estado. Sendo assim, a expectativa é de que os números do próximo anuário sejam ainda mais positivos, com a queda no número de todos os tipos de crimes.

“Neste ano, a segurança do Piauí passa por uma reestruturação com o aumento do efetivo de policiais militares e civis, fortalecimento de investimentos em inteligência, viaturas e equipamentos para as forças de segurança”, informa o gestor.

Os esforços empreendidos, já em 2023, resultaram nos cinco primeiros meses do ano, no aumento dos indicadores de esforços das polícias, dentre eles um incremento de 68,23% nos cumprimentos de mandado de prisão e de 12,47% nos autos de prisão em flagrantes. “Os impactos do fortalecimento das instituições de segurança pública resultaram ainda na redução nas mortes violentas intencionais e nos crimes violentos patrimoniais”, completa Chico Lucas.

O Anuário Brasileiro de Segurança Pública é um documento produzido anualmente com base nas informações de segurança pública de todos os estados do Brasil. O documento fornece um parâmetro sobre a segurança pública no país diante dos dados fornecidos pelas secretarias de segurança públicas estaduais e policiais civil, militar e federal.

Fonte: Ascom

MAIS LIDAS

Copyright © - Desde 2008. Portal Walcy Vieira. WhatsApp (86) 99865-3905