Siga, Curta, Compartilhe:

Geral

Agosto Lilás: Sesapi destaca papel crucial do SAMVIS no auxílio às mulheres vítimas de violência sexual

Publicado

em

O mês de agosto é amplamente reconhecido como “Agosto Lilás”, um período de destaque na luta contra a violência direcionada às mulheres. Neste contexto, a Secretaria de Saúde do Piauí (Sesapi) está reforçando a importância dos serviços prestados pelo Serviço de Atenção às Mulheres Vítimas de Violência Sexual (SAMVIS), presente em oito unidades hospitalares em todo o estado.

Além da reconhecida Maternidade Dona Evangelina Rosa, situada em Teresina, o SAMVIS opera em diversas outras instituições de saúde, incluindo hospitais nas cidades de Parnaíba, Picos, Floriano, Bom Jesus, São Raimundo Nonato, Campo Maior e Corrente.

Este serviço ininterrupto, disponível 24 horas por dia, desempenha um papel crucial no cuidado abrangente prestado a mulheres de todas as idades que são vítimas de violência sexual.

“Oferecemos profilaxia para doenças sexualmente transmissíveis e contracepção de emergência para evitar a gravidez resultante do estupro. Além disso, realizamos exames de corpo de delito e coletamos evidências para auxiliar na punição dos agressores”, esclarece Alzenir Moura Fé, coordenadora de atenção à saúde da mulher da Sesapi.

Além do atendimento imediato, realizado dentro de um período de 72 horas após o incidente, o SAMVIS oferece uma variedade de serviços adicionais para apoiar as vítimas de violência sexual. “Nossa equipe proporciona um atendimento biopsicossocial, visando minimizar as sequelas duradouras que frequentemente resultam da violência”, acrescenta Moura Fé.

Somente ao longo de 2022, as unidades do SAMVIS no estado atenderam 849 mulheres que foram vítimas de violência sexual. Este número já se eleva a 519 nos seis primeiros meses de 2023. “Se essa tendência persistir, é provável que encerremos o ano com um aumento significativo nos casos atendidos”, alerta a coordenadora.

O SAMVIS foi criado em 2004 e opera por meio de um Termo de Cooperação Técnica firmado entre a Sesapi, a Secretaria Estadual da Assistência Social (Sasc-PI) e a Secretaria de Segurança Pública do Piauí (SSP-PI). Ao longo desses anos, um total de 10.552 atendimentos foram prestados a vítimas de violência sexual em todo o estado. Esta iniciativa destaca a colaboração interinstitucional essencial para enfrentar essa problemática e proporcionar o apoio necessário às mulheres em situações vulneráveis.

Fonte: Ascom/Repórter: Breno Moreno

MAIS LIDAS

Copyright © - Desde 2008. Portal Walcy Vieira. WhatsApp (86) 99865-3905