Connect with us
Banner Doação

Geral

ESC?NDALO: Depois da rachadinha, persegui??o e o esquema das vans no Setut

Publicado

em

A fal?ncia da empresa de ?nibus Dois Irm?os revela um verdadeiro esc?ndalo no sistema de transporte coletivo de Teresina: depois da den?ncia da ?rachadinha entre a Prefeitura da capital do Piau? e o Sindicato dos Empres?rios de ?nibus ? Setut?, descobriu-se que a empresa Timon City vive amargos 6 anos de persegui??o, enquanto donos de vans apadrinhados do sindicato, com a omiss?o da Prefeitura de Teresina, inexplicavelmente, faturam ?rios de dinheiro?.? Tem van que, pelos n?meros de passagens da pr?pria prefeitura, recebe do sistema de transporte mais do que toda uma frota de ?nibus. Pasmem! Tem van que, sequer, sai da garagem.

O esc?ndalo envolvendo o sistema de transporte de Teresina vem sendo investigado h? cerca de cinco meses por jornalistas do portal walcyvieira.com. O empres?rio Ramon, dono da empresa Timon City, que roda h? cerca de 6 anos de Timon para Teresina, at? hoje, sequer, o Setut liberou o sistema de bilhetagem eletr?nica para ele. Em resumo: o sindicato sempre beneficiou a empresa concorrente, a Dois Irm?os, que era administrada (at? a fal?ncia) por Marcelino Lopes (?manda chuva? no Setut), genro do propriet?rio Osvaldo.

No caso concreto, sem a bilhetagem, a empresa de Ramon n?o tem como receber os cart?es de passes dos trabalhadores, nem estudantes. A forma que o empres?rio encontrou para sobreviver foi reduzindo o pre?o das passagens, apelando para tentar atrair passageiros.

PREFEITURA SE ACOVARDOU COM A PERSEGUI??O

Mesmo a Prefeitura de Teresina sendo a concession?ria e fiscalizadora das linhas de ?nibus na capital, o prefeito Firmino Filho, e a Superintend?ncia Municipal de Tr?nsito (Strans), nunca se preocuparam em proporcionar equidade no atendimento as empresas que operam o sistema, numa demonstra??o clara beneficiar um em detrimento de outro.

CASOS DAS SUPER VANS

Consta no cadastro da Strans que 45 vans fazem parte do sistema de transporte de Teresina. Elas t?m capacidade de lota??o de 16 a 24 passageiros. Significa que, por viagem, uma van superlotada com 30 passageiros, fatura R$ 120,00 (a passagem ? R$ 4 reais). No final das oito viagens di?ria, essa van superlotada fatura R$ 960,00. No final do m?s, essa van, rodando sempre superlotada, fatura menos de R$ 30 mil.

Essa ? a l?gica real dos fatos, no entanto, a reportagem do walcyvieira.com encontrou notas de pagamento mensal de R$ 900 mil m?s para algumas vans em Teresina. ? dinheiro que sai do sistema de transporte de passageiros para donos de vans.

COMO ? O ESQUEMA

O pessoal das vans descobriu que a Prefeitura Municipal de Teresina n?o fiscaliza, muito menos o Setut (que finge vista grossa). Assim sendo, negocia com trabalhadores de dezenas de empresas, comprando os cr?ditos (passagens) no cart?o por um pre?o muito menor. Esses cart?es s?o passados no sistema de bilhetagem e no final o dinheiro que ? destinado ao transporte de passageiros vai parar no bolso dos donos de vans.

O neg?cio ? t?o lucrativo que das 45 vans cadastradas no sistema de transporte p?blico, apenas 25 rodam. As outras ficam o tempo todo nas garagens, s? passando cart?es.

E a fiscaliza??o?!………..

A reportagem descobriu ainda outro golpe: a sobra de passagem. Detalhes nesta sexta-feira (27)

Publicidade

MAIS LIDAS

Copyright - Desde 2008. Portal Walcy Vieira. WhatsApp (86) 99865-3905