Siga, Curta, Compartilhe:

Vídeos

Rafael trata sobre projetos irrigados em Brasília. Assista!

Publicado

em

Governador do PI, Rafael Fonteles

Já nesta quarta-feira (19/04/2023), 0 governador Rafael Fonteles participou, em Teresina, de reunião técnica que debateu os projetos dos perímetros irrigados Platôs de Guadalupe e Tabuleiros Litorâneos. Na oportunidade, foi assinado acordo entre o Governo do Piauí e o governos federal para identificação de outros perímetros no estado que podem ser beneficiados por parcerias com o setor privado.

São mais de 20 mil hectares nos dois projetos. Já existe 5 mil hectares irrigados e com este incremento e investimentos sendo realizados na região, aumenta para 25 mil hectares. Com isso, serão gerados dezenas de milhares de empregos diretos para a população, proporcionando cada vez mais renda para o povo piauiense.

Rafael Fonteles agradeceu aos dirigentes do Ministério da Integração e do Desenvolvimento Regional e da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) que vieram ao Piauí para dar  início aos estudos para a concessão futura desses perímetros irrigados. “Estamos muito felizes com esta modelagem. Sabemos que deu certo na Bahia. Lá deu certo e é este modelo que a gente quer trazer para esses dois perímetros irrigados para, quem sabe, fazer em outros locais a mesma modelagem”, explicou o governador.

O governador acrescentou que a União vai conceder os projetos à iniciativa privada, que colocará muitos investimentos para finalizar esses perímetros irrigados, na sua totalidade “O Platôs de Guadalupe vão chegar a mais de 30 mil hectares irrigados, então, é algo muito significativo para toda a região. E o Estado, por meio da Secretaria da Irrigação, com a gestão do Firmino Paulo, dará este suporte para que os técnicos do governo federal ou da empresa contratada para fazer os estudos, possam encaminhar o mais rápido possível, com as informações necessárias para viabilizar economicamente estes perímetros”, afirmou o gestor.

O secretário nacional de Fundos e Instrumentos Financeiros do MIDR, Eduardo Tavares, falou sobre o Piauí ser um estado estratégico para essa nova fase de elaboração de planejamento do Plano Plurianual (PPA). “Gostaríamos de agradecer a recepção do governador Rafael Fonteles e toda a equipe do estado. O Piauí é estratégico para esta nova etapa do projeto. Em nome do ministro Waldez Góes, estamos atendendo a uma diretriz do presidente Lula para reafirmar este compromisso do desenvolvimento sustentável, na ampliação de terrenos irrigados e implementação de uma série de obras estruturantes, e poder compartilhar com o povo do Piauí, discutindo quais são as prioridades do estado para estes próximos quatro anos”, destacou o gestor.

O secretário falou sobre a cooperação do ministério que vai potencializar a produção na região e disse que há perímetros que, com mais de décadas, precisavam de uma nova estratégica e agora está sendo trazida pelo MIDR, justamente, para criar uma sinergia entre investimentos públicos e investimentos privados. Criando, com isso, geração de oportunidade com responsabilidade socioambiental.

“A ideia é que a gente possa transmitir ao mercado que há um ambiente de negócio favorável para investimentos, sem perder de vista a agricultura familiar, com o produtor rural que está lá na ponta e que precisa também ser enxergado e assistido neste momento”, acrescentou Eduardo Tavares.

O secretário de Estado da Irrigação e Segurança Hídrica, Firmino Paulo, explanou sobre os dois perímetros irrigados do estado que já foram executados em primeira fase, mas ainda falta executar a segunda fase. “São mais de 20 mil hectares dos dois perímetros, para proporcionar irrigações nessas regiões. E hoje nós só temos, aproximadamente, um quarto destes perímetros irrigados. Então, queremos por meio dessa reunião técnica, com o Dnocs, Codevasf e Ministério da Integração Nacional, buscar o consórcio que está interessado em assumir esta PPI, que é um programa de investimento do governo federal que, com certeza, por meio destes investimentos, esta obra finalmente será finalizada e irá proporcionar cada vez mais desenvolvimento para a população do Piauí”, destacou o gestor.

Os dois projetos

O perímetro do Platôs de Guadalupe está instalado no município de Guadalupe. A 1ª etapa do projeto já foi implementada, com quase 3,2 mil hectares. Outros 11.761 hectares da segunda etapa ainda serão colocados em operação. A previsão é que o empreendimento possa gerar 30 mil empregos e beneficiar 120 mil pessoas. Os principais cultivos são banana e goiaba, que representam, juntas, 81% da produção. Os investimentos em infraestrutura estimados após a concessão são de R$ 256 milhões.

Os Tabuleiros Litorâneos estão localizados nos municípios de Parnaíba e Bom Princípio e têm potencial para gerar 17 mil empregos e beneficiar 72 mil pessoas. Atualmente, 2,4 mil hectares estão em operação e o objetivo é implantar mais 5.740. O perímetro é irrigado pelas águas do Rio Parnaíba, por meio de um canal de 1,3 mil metros de extensão. O destaque da produção são as frutas orgânicas para exportação. Os investimentos em infraestrutura estimados após a concessão são de R$ 140 milhões.

Fonte: Ascom / Repórter: Vanize Lemos

MAIS LIDAS

Copyright © - Desde 2008. Portal Walcy Vieira. WhatsApp (86) 99865-3905