Siga, Curta, Compartilhe:

Coronavírus

Fam?lia que combate o covid ? destaque nacional

Publicado

em

Em Teresina, uma fam?lia inteira est? unida contra a Covid-19: T?nia Furtado, enfermeira do SAMU e de hospital da Prefeitura de Teresina, o marido, a m?e, o pai e a irm? tamb?m s?o profissionais da sa?de e est?o na linha de frente contra a doen?a na capital piauiense. Essa hist?ria ficou conhecida nacionalmente ap?s exibi??o do seu depoimento na edi??o do Jornal Nacional da ?ltima ter?a-feira (28).

No v?deo exibido, ela relatou que a sua rotina de trabalho mudou completamente durante a pandemia. ?Desde crian?a, eu j? sabia que ia trabalhar na ?rea da sa?de. Os meus pais foram os grandes exemplos. Hoje, eles, eu, meu esposo e minha irm? estamos todos atuando no combate ? Covid-19.? Antes, viv?amos de abra?os, encontros e almo?os em fam?lia. Atualmente, a gente n?o pode nem se tocar, para evitar contamina??o pelo coronav?rus?, disse T?nia.

?Por aqui as coisas funcionam bem. O que vejo ? uma articula??o imensa de pessoas e de servi?os de sa?de, procurando resolver os problemas e ofertar uma assist?ncia de qualidade aos doentes. N?s que come?amos essa rotina com certo medo, hoje sentimos mais confian?a, coragem, esperan?a e ficamos honrados e felizes por participar desse enfrentamento, porque, afinal, estamos fazendo a grande diferen?a entre a vida e a morte dessas pessoas?, conta T?nia.

Ainda crian?a, T?nia e sua irm?, que tamb?m ? enfermeira, acompanhavam a rotina dos pais Raimundo e Rosa Furtado, que s?o t?cnicos de enfermagem. ?N?s mor?vamos em outra cidade, mas eles vinham trabalhar em Teresina e eu acompanhava. Quando eu era bem pequena, minha m?e me viu enquanto me arrumava e perguntou para onde iria e disse ?para o meu plant?o?, como se ela j? tivesse que saber que esse era meu of?cio. Hoje, estou fazendo tudo que eles fizeram a vida toda, ajudando as pessoas e aliviando sofrimentos?.

A enfermeira ressalta ainda que ? uma honra atuar na sa?de. ?Tenho participado de v?rios momentos em que a atua??o da minha equipe foi fundamental para a sobreviv?ncia de algu?m, na verdade de muitas pessoas. ? como se a gente travasse uma luta com a morte e na maioria das vezes a gente vence, gra?as a Deus. Por outro lado, temos medo do coronav?rus, mas, fazendo um balan?o, ? uma honra poder ser um instrumento valioso nessa luta contra esse inimigo invis?vel?, finalizou a enfermeira.

T?nia casou com Nelson Neto, que ? condutor de ambul?ncia do SAMU. Ele conta que era um sonho atuar nas viaturas e que, durante a pandemia, teve que se afastar dos dois filhos. ?? uma honra trabalhar nesse per?odo, pois temos ajudado muitas pessoas doentes, temos feito a diferen?a e, no futuro, quando estivermos unidos novamente, poderemos dizer aos nossos filhos que estivemos na linha de frente no combate a esse v?rus e eles ter?o muito orgulho de n?s?.

MAIS LIDAS

Copyright © - Desde 2008. Portal Walcy Vieira. WhatsApp (86) 99865-3905