Siga, Curta, Compartilhe:

Geral

Na terra, Covid; no ar, gafanhotos; e no mar, barata gigante

Publicado

em

As not?cias cient?ficas neste ano, dominado pela pandemia global e por invas?es de nuvens de gafanhotos, tem sido pouco comuns.

Agora, cientistas da Indon?sia anunciaram que encontraram um dos maiores crust?ceos j? vistos no fundo do mar, que descreveram como uma gigante barata do mar.

A nova criatura pertence ao g?nero Bathynomus, que s?o is?podes gigantes (grandes criaturas com corpos achatados e duros, da fam?lia dos tatuzinhos-de-jardim) e vivem em ?guas profundas.

A Bathynomus raksasa (raksasa significa “gigante” em l?ngua indon?sia) foi encontrada no Estreito de Sunda, entre as ilhas indon?sias de Java e Sumatra, bem como no Oceano ?ndico, em profundidades de 957 m e 1.259 m abaixo do n?vel do mar.

Quando adultas, as criaturas medem em m?dia 33 cm e s?o consideradas “supergigantes” em tamanho. Outras esp?cies de Bathynomus podem atingir 50 cm da cabe?a ? cauda.

“Seu tamanho ? realmente muito grande e ocupa a segunda maior posi??o no g?nero Bathynomus”, disse a pesquisadora Conni Margaretha Sidabalok, do Instituto de Ci?ncias da Indon?sia (LIPI).

Existem apenas sete esp?cies conhecidas de is?podes supergigantes no mundo.

? a primeira vez que uma Bathynomus foi encontrada no fundo do mar na Indon?sia ? uma ?rea em que pesquisas semelhantes s?o escassas, segundo informou a equipe na revista ZooKeys. Cahyo Rahmadi, chefe de zoologia da LIPI, disse que a descoberta ? uma indica??o de “como o grande potencial de biodiversidade da Indon?sia ainda n?o foi revelado”.

Fonte: G1

MAIS LIDAS

Copyright © - Desde 2008. Portal Walcy Vieira. WhatsApp (86) 99865-3905