Siga, Curta, Compartilhe:

Geral

Hemopi estabelece novo recorde de doações durante o mês de julho

Publicado

em

Apesar da habitual queda nos estoques de sangue durante os meses de férias, com diminuições que podem alcançar até 30% em todo o país, o Centro de Hematologia e Hemoterapia do Piauí (Hemopi) surpreendeu este ano ao alcançar um marco significativo de doações no mês de julho, algo que não era visto há mais de uma década.

Ao longo de todo o mês passado, um total de 4.819 indivíduos compareceram a uma das quatro unidades de coleta do Hemopi (Teresina, Parnaíba, Floriano e Picos) com o intuito de contribuir com doações de sangue. Desses, 4.090 foram capazes de concretizar o ato de generosidade.

“Registramos mais de 4 mil doações efetivas, um recorde notável para o mês de julho, período em que é comum ocorrer uma diminuição no número de doações devido às férias. Esse feito é o resultado de um esforço colaborativo entre nossos dedicados funcionários, parceiros engajados e doadores altruístas, todos focados em preservar vidas”, destaca Rafael Alencar, diretor-geral do Hemopi.

Para satisfazer a contínua demanda dos hospitais, visto que o Hemopi é o único hemocentro público do Piauí, responsável pelo abastecimento de hemocomponentes para todos os hospitais da rede pública e parte da rede privada, é necessário coletar, em média, quatro mil bolsas de sangue a cada mês.

“Manter uma média mensal de quatro mil bolsas de sangue coletadas é crucial para manter nossos estoques em níveis seguros. Desde maio deste ano, graças à dedicação da comunidade em geral e de todos os membros do Hemopi, temos alcançado consistentemente esses números, uma conquista pela qual estamos imensamente gratos”, declara Dirceu Campêlo, superintendente de Média e Alta Complexidade da Sesapi.

Fonte: Ascom/Repórter: Sana Moraes

Clique e Comente

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MAIS LIDAS

Copyright © - Desde 2008. Portal Walcy Vieira. WhatsApp (86) 99865-3905